Os botos da Amazônia estão em perigo! AJUDE!

Alerta Vermelho

A Ameaça

Além de ilegal, imoral e cruel, a caça tem afetado drasticamente as populações dos Botos da Amazônia. Há registros de caçadores, especializados em Botos, que matam mais de 20 animais, por expedição, para serem comercializados com ribeirinhos.

Esses golfinhos estão sendo mortos para servirem de isca na pesca de um bagre carniceiro, localmente conhecido por Piracatinga ou Urubú-d’água; mas, são vendidos com o nome falso de douradinha, no Brasil, e capaz, na Colômbia; enganando os consumidores. Toneladas de Piracatinga são capturadas anualmente com carne de Boto e o volume desse pescado no mercado brasileiro vem aumentando exponencialmente, nos últimos anos.

Boto-vermelho ou Boto cor-de-rosa (Inia geoffrensis) é o maior golfinho de água doce do Planeta, pode viver até 50 anos, mas as taxas reprodutivas baixas, o longo período de cuidado parental, aliada a ameaça sem trégua dos caçadores/pescadores ilegais, têm fragilizado a espécie.

Parente próximo dos golfinhos marinhos, o Boto é protagonista do folclore regional e um animal totalmente adaptado à Amazônia, sendo elo fundamental da cadeia alimentar da bacia Amazônica e seus rios colossais.

Mantida a pesca da Piracatinga, estima-se que mais de 2.500 Botos serão mortos em um ano, em algumas regiões da Amazônia, e a espécie poderá desaparecer em um futuro muito próximo.

Estima-se que 2.500 Botos vem sendo mortos todos anos, em determinadas regiões da Amazônia, este número é tão alarmante como aqueles das mortandades de golfinhos no Japão, que causaram tanta indignação.

Boto é utilizado como isca na pesca de um peixe chamado piracatinga, que no Brasil é comercializado com o nome de douradinha ou pintadinha.

A AMPA

AMPA – Associação dos Amigos do Peixe-boi foi criada há 14 anos com o objetivo de promover a pesquisa e proteção dos mamíferos aquáticos da Amazônia. Nosso foco é propiciar à sociedade um convívio saudável com a fauna da Bacia Amazônica. Trabalhamos com indivíduos e organizações, visando assegurar que as espécies animais e suas populações convivam em seu ambiente natural em harmônica relação com as comunidades locais.

ALERTA VERMELHO pretende justamente combater as atividades ilegais de caça e pesca, através do engajamento e da participação ativa das pessoas, dentro e fora da região Amazônica.

A AMPA vem se consolidando como um dos principais parceiros do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia – INPA, uma autarquia do Ministério da Ciência Tecnologia e Inovação – MCTI, na proteção dos mamíferos aquáticos da Amazônia. Essa parceria mantém um grupo de animais resgatados do tráfico animal, no parque de pesquisa e visitação do Inpa/MCTI em Manaus-AM, e funciona como centro de reabilitação de animais apreendidos do comércio ilegal.

Entre em contato com a AMPA.

Assessoria de Comunicação

Telefone: +55 92 3236-2739 / +55 92 8802-3520

E-mail: ampa@ampa.org.br

Galeria

Desejamos que o Boto da Amazônia continue encantando os nossos olhos com sua beleza, e que viva nos rios da maior bacia hidrográfica do mundo, realizando o seu papel de manter o equilíbrio ecológico.

Ajude-nos a Salvar e Proteger o Boto, nosso grande sedutor!

Vídeo

Doação

Faça uma doação de qualquer valor agora mesmo, é fácil e seguro!

Os Botos precisam da sua ajuda!

Com uma pequena quantia você fará grande diferença para os Botos e para a Amazônia (veja como).

Para doações sem cartão de crédito, solicitamos que você envie um email com o valor da doação para ajudar@ampa.org.br. Você receberá um email com o boleto bancário que poderá ser pago em qualquer banco, incluindo internet banking.

*Doação a partir de R$100.

Realização

Parceiros

Apoio

Newsletter

Contato